Natal, luzes coloridas e papai noel – A melhor época do ano.

No último final de semana montei minha árvore de natal. Luzinhas, bolinhas coloridas, papai noel espalhado por todos os cantos sinônimo de final de ano. E sempre que o final do ano chega, é um respiro de alívio. 12 meses com 30 dias em cada é muito cansativo e, se o ano for puxado como o de 2014, haja disposição.

Final de ano é sempre um alento para a maioria de nós. Compramos presentes, marcamos confraternizações, fazemos planos. É sempre um livro em branco em que a gente pode fazer diferente, embora, a maioria continue fazendo tudo da mesma forma. Aquela academia que nunca começa, aqueles livros que nunca são lidos, as viagens que nunca conseguem ser marcadas. Pior do que isso é que a cada ano que passa somos engolidos pelos compromissos “profissionais”. Esquecemos de viver e o final do ano traz a tona esta melancolia em nós.

Afinal, o que é que eu fiz durante estes 365 dias? Onde eu estava? Onde estavam todas as pessoas que eu gosto e me importo? Quantas vezes repeti o “oi, estou com saudades. Vamos marcar alguma coisa?” e permaneci na inércia?. Antes, começo de ano para mim simbolizava livros e cadernos novos, material escolar com cheirinho de morango e a possibilidade de aprender muitas coisas novas. Quando eu estava na escola, cada série que eu passava era um degrau na escada da vida, mas e agora? Como eu guio para onde estou indo? Como eu meço o meu progresso? Estou perdida!

Mas este texto não era para ser melancólico. Na verdade, era para ser alegre e pra cima, como o mês de Natal é. Definitivamente nossas ruas ficam mais bonitas e o clima é de festa. Pena que aqui não neva para eu me sentir de vez num típico filme americano natalino.

Apesar de desejar com afinco as férias de dezembro, torço para que este mês passe bem devagar, bem lentamente. É o único em que temos liberdade poética para ficarmos muito cansados e compartilhar as dores. É o único em que a gente procrastina sem muitos julgamentos. É o único em que somos sentimentais e bobos dizendo para todos o quanto amamos sem sermos julgados. Dezembro é o mês da liberdade, o mês do afago, o mês da felicidade. Exatamente como a vida deveria ser nos outros onze meses!

Um bom dezembro para todos vocês!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s